(86) 9 9983-4382
Teresina

Postada em 22/04/2019 ás 22h04 - atualizada em 22/04/2019 ás 22h08

Publicada por: Redação Fala Piauí

Fonte: Efrém Ribeiro

Papagaio é detido ao tentar impedir prisão de dois traficantes em Teresina
Os policiais disseram que quando chegaram o papagaio começou a gritar 'a Polícia chegou', a 'Polícia chegou'.
Papagaio é detido ao tentar impedir prisão de dois traficantes em Teresina

Foto: Reprodução

Um simpático e esperto papagaio está detido na Central de Flagrantes de Teresina com proibição para que os jornalistas não registrem sua imagem.

O papagaio foi apreendido com um casal acusado de tráfico de drogas Edvan e D.S.A., de 17 anos, na Vila Irmã Dulce, na zona Sul de Teresina.

A advogada de Edvan e D.S.A., Salma Barros, afirmou que os policiais militares que fizeram a apreensão do casal chegaram na Central de Flagrantes de Teresina afirmando que o papagaio quando viram ele começou a gritar “A Polícia chegou, Polícia chegou”;

“Os policiais disseram que quando chegaram o papagaio começou a gritar 'a Polícia chegou', a 'Polícia chegou. Mas aqui na Central de Flagrante , ele ficou quieto e calado. O próprio delegado desmontou a história porque o papagaio não falou nada, mas os policiais confirmaram a história”, declarou Salma Barros.

O coordenador da Central de Flagrantes, delegado Bruno Maia, afirmou que o papagaio deverá ser levado para o Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis (Ibama).

A ambientalista Jaqueline Lustosa foi até a Central de Flagrantes de Teresina para tentar libertar o papagaio ou que fosse encaminhado diretamente para a Polícia Ambiental.

“Queremos que a Polícia Civil indicie os traficantes por crime ambiental de apreensão de animal silvestre para aumentar a pena de prisão”, afirmou Jaqueline Lustosa.  

Fala Piauí no Facebook:
imprimir

Veja também

»
Receba notícias do Fala Piauí pelo WhatsApp WhatsApp
© Copyright 2019 - Fala Piauí - Todos os direitos reservados - E-mail: [email protected]
Site desenvolvido pela Lenium