Domingo, 29 de novembro de 2020
(86) 99983-4382
Teresina

Postada em 23/10/2020 ás 21h09

Publicada por: Liliane Alves

Fonte: G1

Escola particular de Teresina suspende aulas após professor testar positivo para Covid-19
Segundo o sindicato, o professor do Instituto Dom Barreto testou negativo para a doença antes do retorno das aulas. Entretanto, logo depois, ele apresentou sintomas e refez o teste, que deu positivo.
Escola particular de Teresina suspende aulas após professor testar positivo para Covid-19

Foto: reprodução

O Instituto Dom Barreto, escola particular de Teresina, suspendeu as aulas após um professor testar positivo para a Covid-19. A informação foi confirmada ao G1 pelo Sindicato dos Estabelecimentos de Ensino do Piauí (Sinepe-PI) nesta sexta-feira (23). O colégio ainda não se posicionou sobre o caso

Alunos do 3° ano do ensino médio voltaram às salas de aula na última segunda-feira (19), após quase sete meses afastados das escolas, por conta da pandemia de coronavírus.

Antes da volta às aulas, os profissionais da unidade foram testados. Segundo o Sinepe, o professor testou negativo para a doença, entretanto, logo depois, ele apresentou os sintomas e refez o exame, que apontou a infecção do novo coronavírus.

“É um procedimento normal. Todas as vezes que surgir alguém, o protocolo manda que as aulas sejam suspensas por pelo menos três dias. Isso vai acontecer com várias escolas”, afirmou o presidente do Sinepe, Marcelo Siqueira.

Profissionais da educação infectados

Antes da volta às aulas, os profissionais da educação foram testados. Segundo o presidente do Sindicato dos Professores e Auxiliares da Administração Escolar do Piauí (Sinpro), Jurandir Soares, 13 professores e auxiliares testaram positivo para o novo coronavírus.

“Essa triagem foi muito importante. Soubemos que muitos colégios estão com protocolos muito bons”, disse o docente.

Mas o sindicalista destacou que a categoria está atenta para verificar se os estabelecimentos de ensino estão seguindo o protocolo. “Alguns colégios estão com protocolos, porém, nós ficamos atentos, porque o Ministério do Trabalho poderá atuar caso a escola não siga o protocolo ou o acordo de testagem dos professores”, afirmou.

Fala Piauí no Facebook:
imprimir

Veja também

»
Receba notícias do Fala Piauí pelo WhatsApp WhatsApp
© Copyright 2020 - Fala Piauí - Todos os direitos reservados - E-mail: [email protected]
Site desenvolvido pela Lenium